AVISO

Dia 1 de Setembro, o Senhor Palomar muda-se de livros e bagagens para http://senhorpalomar.com/

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Jesusalém, de Mia Couto (Caminho), por Hélder Beja e Isabel Coutinho


«Ficamos perplexos com o título. “Jesusalém”, à primeira vista, parece ser “Jerusalém” [título de um romance de Gonçalo M. Tavares também publicado na Caminho]. Não é. Mia Couto sabia que o título podia ser complicado e hesitou - por alguma razão no Brasil a Companhia das Letras mudou o título para “Antes de Nascer o Mundo”. E o livro, que numa primeira versão terminava com a frase “Aqui está Jesusalém” (pág. 293), acabou por crescer. Mia Couto acrescentou parágrafos a partir dessa frase e deu ao romance um final mais optimista.» Isabel Coutinho.

«E esse é talvez o mérito maior de “Jesusalém”: ser um texto pouco óbvio, que bate territórios como a infância, o poder e o sagrado com a leveza mentida de um menino que joga bola descalço. Mais uma prova de que a musicalidade e a poesia das palavras quentes de Mia Couto são o camuflado perfeito para atacar grandes questões.
» Hélder Beja.

Sem comentários:

Publicar um comentário